Compartilhe

Medicina do trabalho saiba o que é e qual a importância para sua empresa.

Medicina do trabalho: saiba o que é e qual a importância para sua empresa

Segurança e saúde no trabalho

Muitas atividades trabalhistas apresentam riscos que podem colocar a vida dos colaboradores em perigo e, para protegê-los disso, existem as normas regulamentadoras. No caso da medicina do trabalho, a NR-7 estabelece o Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional (PCMSO), responsável por promover ambientes mais saudáveis e estabelecer regras que protegem a saúde dos trabalhadores conforme os riscos previstos no Programa de Gerenciamento de Risco (PGR).

Para as empresas, a medicina do trabalho representa um amplo conjunto de ações que devem ser realizadas para a preservação da saúde dos colaboradores. Já para os trabalhadores, o contato mais “comum” são as consultas com o médico do trabalho, por meio dos exames ocupacionais – como o admissional e demissional.

Ao longo deste texto, falaremos mais sobre a medicina do trabalho, suas atribuições e importância para a sua empresa. Leia na íntegra!

O que é medicina do trabalho?

De modo geral, a medicina do trabalho tem como principal atribuição prevenir doenças ocupacionais. Ou seja, busca eliminar todos os malefícios oriundos do exercício profissional, além de promover o controle dos riscos ambientais (químicos, físicos e biológicos), como:

  • Conforto acústico;
  • De temperatura;
  • Cuidados com a inalação de poeiras e gases;
  • Contato com materiais contaminados;
  • Entre outros.

Tudo isso deve ser elaborado por um médico do trabalho e previsto pelo PCMSO. Entre suas várias atribuições, cabe a esse programa rastrear agravos à saúde, detectar exposições excessivas a agentes nocivos, definir a aptidão dos empregados para suas funções, auxiliar na implantação e monitoramento das medidas de prevenção, subsidiar o encaminhamento à Previdência Social etc.

>>> Leia também: Norma Regulamentadora 7: tudo o que você precisa saber sobre o Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional

Também faz parte da rotina do médico ocupacional a realização de exames preventivos, com a intenção de avaliar e acompanhar eventuais danos à saúde causados pelas atividades profissionais.

Conheça alguns exames realizados pela medicina do trabalho

Exames periódicos

Os exames periódicos de medicina do trabalho verificam a saúde do profissional e devem ser feitos a cada 2 anos para trabalhadores entre 18 e 45 anos não expostos a riscos.

Menores de idade (no caso de jovens aprendizes) e trabalhadores acima dos 45 anos devem fazer exames anuais. Além desses, os trabalhadores expostos a riscos previstos no PGR ou que possuem doenças crônicas que agravam os riscos, também devem fazer os exames em periodicidade de um ano ou inferior a isso, conforme orientação médica.

Exames admissionais e demissionais

Os exames admissionais e demissionais são feitos por um médico de saúde ocupacional e servem para verificar as condições físicas e mentais do trabalhador no momento da contratação e da demissão.

Por vezes, são exigidos exames adicionais como espirometria (teste de ventilação pulmonar) ou exames de audição, que servem para identificar se o trabalhador teve sua saúde afetada pelo exercício da ocupação.

Quais doenças podem ser apontadas pelos exames ocupacionais?

  • Problemas de visão;
  • Asma;
  • Lesão por esforço repetitivo (LER);
  • Dermatose;
  • Catarata ocular;
  • Antracose pulmonar;
  • Distúrbio osteomuscular relacionado ao trabalho (DORT);
  • Silicose;
  • Estresse;
  • Doenças psicossociais;
  • Surdez, podendo variar entre temporária ou definitiva.

Como minha empresa pode garantir mais saúde para os colaboradores?

A medicina do trabalho é essencial na manutenção da vida dos colaboradores. Afinal, é através dela que são feitas as indicações de medidas preventivas para preservar a vida, saúde e integridade dos colaboradores, especialmente em ambientes de trabalho que possuem um grau de risco mais elevado. 

Para que a sua empresa promova mais saúde e bem-estar aos colaboradores, existem diversas ações que podem ser adotadas. Isso pode ser feito através da conformidade com a legislação vigente e realização dos programas e laudos obrigatórios, controle de ambientes insalubres –  sendo estes relacionados à temperatura, ruído, dificuldade de visão, manejo de itens pesados –, monitoramento dos profissionais que fazem movimentos repetitivos, uso de EPI, entre outros.

Investindo em ações relacionadas à medicina do trabalho, é possível ter um ambiente controlável, com menos riscos aos colaboradores.

Conheça o serviço de Medicina do Trabalho do sesi + saúde

No SESI, os serviços de medicina no trabalho são realizados em conformidade com o Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional (PCMSO), estabelecido pela NR-7. Por meio deles, é possível realizar uma análise clínica do colaborador, visando a aptidão para executar as devidas funções. Entre eles estão:

  • Exames admissionais;
  • Exames periódicos;
  • Exames demissionais;
  • Exames de mudança de risco ocupacional (mudança de função);
  • Exames de retorno ao trabalho;
  • Atestado de Saúde Ocupacional (ASO);
  • Exames complementares.

Conheça os serviços de Medicina do Trabalho do sesi + saúde e esteja um passo mais próximo de ter uma empresa + segura e saudável. 

Tags

Recentes

1
Benefícios de fazer academia: Para sua saúde e seu corpo
15 de setembro de 2023 •

Por Jhenifer Schmitt

3
Setembro Amarelo: quais ações a sua empresa pode desenvolver?
1 de setembro de 2023 •

Por Oscar Führ

4